sexta-feira, 19 de julho de 2013

Mundo Paralelo

     Há momentos em que eu vou para outro lugar, um lugar não físico, o lugar dos meus sonhos. Mas eu não controlo esses momentos, eles dependem do vento, da paisagem ou de uma sensação qualquer. Momentos assim acontecem quando eu sinto o vento bater no meu rosto, quando sinto o calor do sol atingir minha pele, quando sinto o cheiro de rosas vir de um jardim, ou o doce perfume que ele usa, quando escuto uma música suave, ou o som da natureza, ou a voz dele sussurrar no meu ouvido, quando vejo o clarão das estrelas, ou o brilho no olhar dele.
     Eu me sinto sob a sombra de uma árvore com a luz do sol no horizonte. Ou então me sinto no topo de uma colina com o escuro da noite me envolvendo, com a beleza da lua e das estrelas. Se eu estou com ou sem ele nesse lugar? Não sei... na verdade, não importa. Eu estou tranquila, em paz.