quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Olhos e olhares

Teus olhares de olhos azuis
Me inunda mares de amor
Rios de paixão
Poças de lágrimas
Apenas de emoção
Teus olhares de olhos castanhos
Me despertam uma selva
Um fogo estranho
Disritmia no coração
Teus olhares de olhos verdes
Me hipnotizam
Com tuas esmeraldas me cativando
Me enfeitiçando
Como se tu fosses medusa
Viro estátua
Teus olhares de olhos negros
Escondem de mim um mundo inteiro
Mas eu amaria assim mesmo
Teus olhares todos, de janeiro a janeiro
Teus olhos de verde do mar
Teus olhos de preto e o luar
Teus olhos de cor de mel
Teus olhos azuis como o céu