domingo, 2 de março de 2014

Felicidade instantânea

As palavras que ainda não foram ditas
Podem libertar os sentimentos
As palavras que já foram escritas
Podem fazer passar o desalento
Serão tantos os amores a serem amados
As paixões e os apaixonados
Os corações acelerados
Você passou muito rápido por mim
Desacelere, amor
Deixe a sensação fluir
Não vá não, fique por aqui
Você não tem nenhuma condição de me deixar
Pois eu preciso de você
Tanto quanto a praia precisa do mar
E eu deixaria tudo pra te reencontrar
Não perco a esperança
De estar perto de você
Nem a confiança
Que tenho toda pra te ver
Talvez a felicidade instantânea
Esteja naquela formosa coletânea
De músicas que tu me fizestes fazer
Eu juro a ti, do fundo do meu coração
Que o céu não podia ser mais azul
O mar não podia ser mais profundo
A primavera não podia ser mais florida
A menos que estivéssemos unidos
Tudo o que vale nesta vida
Eu quero dividir com alguém
E aqui está você
Aqui estamos nós
Uma dança
Um beijo
Tudo bem, já passou
Deitemos e aproveitemos nosso chão embelezado
Pois contigo, nada poderia ser mais intenso
Nenhum chão poderia ser mais lindo
Se eu não estivesse ao teu lado
E assim, como passa uma paixão
Vai ficando nosso amor
E vamos nos alimentando disso
Eu sei que toda paixão é algo apenas momentâneo
Mas esta, em nós, há logo de se transformar em amor
Pois digo a ti, sem temor
Entre nós dois, isto é algo instantâneo