segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Aquele dos "se"

De que adianta te escrever
Se não me lês?
De que adianta te esquecer
Se eu só te lembro?
De que adianta te amar
Se não me olhas?
De que adianta eu chorar
Se não me secas?
Já não me importa o teu carinho agora
Se não vem acompanhado de nós dois
Só valerá toda essa demora
Se for pra nós sermos felizes depois
Não quero mais teu silêncio
Se só me fizer indagar
Não quero mais tuas fugidas
Se for pra me machucar
Não quero mais minhas feridas
Se não for pra você cuidar
Não quero mais tuas partidas
Se tu nunca for voltar