terça-feira, 3 de setembro de 2013

Vida - O mais complexo dos poemas?

Estou aqui curtindo
todo o ódio capaz eu de sentir
o meu limite, até agora,
mas na mente, só me vem sorrir
quero matar, beijar
quero correr, parar
quero explodir e destruir tudo
quero consertar e abraçar tudo
só quero gritar
mas eu choro
eu quero viver, mas eu não levanto
não tomei minha decisão
não escolhi o meu caminho
mesmo tendo criado e esteja seguindo
nada se trata de viver
nada se trata de morrer
a vida não faz sentido
a morte faz menos ainda
queria poder estar vivendo
queria, mas estou morrendo
nada tão complexo, só complexo demais
e eu, na vida, só buscava a paz
mas agora vejo, tudo tão claro
não entendo de escrever
não consigo sequer ler
tudo porque a vida é algo inútil
e morrer, não te faz aprender
nasci para morrer feliz
morrerei feliz, para deixar outros tristes
viver é algo tão difícil
que faz esses mortos não entenderem mais nada
APRENDA A VIVER
mesmo estando morrendo
e entenda o que na vida lhe dizem
que a vida, você poderá entender.
Não gosto de falar de morte
não gosto de falar de vida
talvez eu fale de vir
talvez eu fale de ir
quem sabe, querida...